Sessão: 019/2016 realizada em 12/08/2016

ATA DA SESSÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE CALDEIRÃO GRANDE BAHIA, EM 12 DE AGOSTO DE 2016. Aos 12 (doze) dias do mês de Agosto de 2016 (dois mil e dezesseis), às 9h (nove), reuniram-se no Plenário da Câmara Municipal de Caldeirão Grande, os Senhores Vereadores, Anatália Pereira Rios, Erbet Santana de Oliveira, Maiko Porcino dos Reis, Pedro Henrique Araujo Bezerra e Ronaldo Alves de Oliveira. Estando ausentes os vereadores Adriana Maria Pereira, Antônio Luis dos Santos Guirra, Carlos Augusto Bezerra Baltar e Derisvaldo Santana de Souza. O Presidente em exercício, vice-presidente Erbet Santana de Oliveira, verificando a presença da maioria, em nome de Deus, declarou aberta a sessão; em seguida, iniciou as formalidades saudando a todos e convidando a Primeira secretária, Anatália Rios, para fazer a chamada dos Edis e na sequencia a leitura do trecho Bíblico; logo após, solicitou da secretária da câmara a leitura das Atas nº 017/2016 e 018/2016 das Sessões passadas, que, depois de lidas e discutidas, foram aprovadas por todos os vereadores presentes; a seguir, o presidente em exercício fez uma breve reunião com os vereadores presentes para discutir a pauta, ficando decidido apenas a leitura e votação do Decreto Legislativo nº 013/2016, que suspende temporariamente os efeitos do Decreto Legislativo nº 012/2016, confirmando a Portaria de nº 015/2016, sendo Aprovado por unanimidade de votos; em seguida, o presidente em exercício, requereu, consultando o plenário, a suspenção da leitura dos ofícios em pauta, deixando-os para a próxima sessão; justificou o Parecer da procuradoria que trata das faltas dos vereadores, que também constava em pauta, deixando para ser lido na presença da presidente, concordando com o posicionamento da mesma; na sequencia, deu-se inicio ao grande expediente franqueando a palavra aos nobres Edis iniciando pela vereadora Anatália, a qual cumprimentou a todos, justificou que a partir daquele momento se ausentaria por motivos de força maior se despedindo de todos; ato contínuo, a palavra foi concedida ao vereador Ronaldo, que saudou a todos, disse querer saber o motivo da ausência dos vereadores da oposição na sessão; questionou a falta de internet apenas na Câmara; falou que o motivo da visita da Policia Federal na Câmara foi a procura do Sr Cândido Guirra que responde processo por sacar FGTS na Caixa Econômica; e finalizou falando da falta de vergonha da porta da frente da câmara está fechada; a seguir, a palavra foi franqueada ao vereador Pedro Henrique, que cumprimentou a todos, informou que foi oficializado pela secretária da câmara pedindo a justificativa de falta na sessão do dia cinco, para desconto no subsídio de uma sessão que não ocorreu; informou que a presidente deveria dar satisfação a população de Caldeirão Grande da presença da Policia Federal no prédio da Câmara, afirmando as palavras do vereador Ronaldo que vieram a procura do Sr. Cândido para responder pela época que era gerente da Caixa Econômica tendo suspeita de retirada do FGTS de um trabalhador, pedindo para as pessoas terem cuidado e analisar o candidato antes de votar; falou que não acreditava na estrada por estarmos diante de crise, e hoje o prefeito irá atender os seus pedidos feitos nas sessões anteriores; ficou preocupado quando viu o histórico da empresa Instituto Qualif, por obterem dados falsos; e finalizou agradecendo o prefeito e equipe pela recepção; continuando, a palavra foi concedida ao vereador Maiko, que cumprimentou os presentes, informou que no dia 09 foi intimado pelo oficial de justiça para depor sobre os procedimentos das contas do Prefeito João Gama Neto referente a 2008, pelo fato de ser presidente da Comissão de Constituição e Justiça, porém quem elaborou o parecer foi o presidente nomeado para Comissão Especial, e se caso a presidente descumprisse colocando em votação pagaria uma multa de cinco mil reais; questionou a ausência dos vereadores da oposição; e finalizou agradecendo a todos; logo após, o presidente em exercício pediu para o segundo secretário assumir a presidência enquanto o mesmo faz-se o uso da palavra, logo o vereador Erbet comentou a respeito do Decreto Legislativo nº 013/2016, como foi mencionado nas sessões anteriores que não iria a lugar nenhum; questionou boatos de um instituto de pesquisa que apresenta um histórico grande na internet, informando que se fosse do grupo de oposição estaria preocupado com esse órgão pesquisador que os colegas falaram; passou para os presentes que ouve boatos que não poderia ser candidato, falando em publico que sua documentação está ok e não responde a nenhum processo; registro seu requerimento que pede para colocar em votação o projeto de doação de terrenos em caráter de urgência, independente de situação politica; Por fim, nada havendo a tratar o presidente em exercício agradeceu a presença de todos, convidando-os para a próxima sessão, e deu por encerrada a Sessão Ordinária, da qual lavrou-se a presente Ata, que após lida e discutida será assinada por todos os vereadores presentes. Sala das Sessões, em 12 de Agosto de 2016.

 


Anatália Pereira Rios

 

Erbet Santana de Oliveira

 

Maiko Porcino dos Reis

 

Pedro Henrique Araujo Bezerra

 

Ronaldo Alves de Oliveira